Sobre ser vendedor

O quê eu sou?!!

Eu sou *VENDEDOR*!

De acordo com diferentes pontos de vista, o *VENDEDOR* pode ser:

-Para o Supervisor: “Mais uma meta de vendas”.

-Para o Gerente: “ Um alfinete no mapa da região”.

-Para o Diretor: “ Um desses que trabalha pouco e ganha muito”.

-Para o Financeiro: “ Um custo a mais no preço de venda”.

-Para o Auditor: “ Uma conta de gastos excessivos”.

-Para os conhecidos: “Aquele que não deu certo na vida”.

-Para os Colegas do Escritório: “Um turista”.

-Para alguns clientes: “Um pentelho”.

-Para a Esposa: “Um tonto que não sabe fazer mais nada, senão trabalhar”.

-Para a Sogra: “Um folgado que passa o dia todo na rua”.

Porém, na verdade o vendedor é muito mais do que isso. Ele precisa ter a resistência de Hércules, a arte de Maquiavel, o tato de um Diplomata, a eloquência de um Orador, o encanto de um Homem da Sociedade e a agilidade mental de um Matemático.

Deve ser impermeável aos insultos, à cólera, ao desprezo e aos efeitos das queixas daqueles que se rendem às “crises” do mercado.

Tem que ser capaz de vender todos os dias, dirigir pela noite até a cidade mais próxima e estar no cliente às 7:30h. da manhã, com o bom humor de um líder de excursão.

Tem que saber de futebol, política e economia, ser bem humorado e se possível contar boas anedotas, e rir de outras não tão boas assim. Deve ser agradável, companheiro de mesa, atencioso e ouvinte de histórias tristes e desabafos.

Contudo, ele é realista, é otimista, arregaça as mangas, vai à luta e sempre alcança seus objetivos.

Viaja solitário em seu carro sabendo que a solidão é a única companheira frequente.

A cada dia carrega nos ombros o peso morto das vendas do mês anterior e a meta para o mês seguinte.

Sim SOU *VENDEDOR*!
Sou aquele que com orgulho e honra carrego o nome da empresa que represento e trabalho para o sustento e o conforto da minha família, e pelo desenvolvimento do meu país!

Excelente Dezembro meu Amigo *VENDEDOR*, guerreiro e VENCEDOR!!

Força, Fé e Foco!

Revelados os detalhes do PvP do Pokemon Go!

A produtora Niantic revelou, em sua totalidade, como funcionará o sistema de batalha entre jogadores em Pokémon GO, o chamado “PvP”, ou “Player versus Player“.

Novidades básicas

Ainda sem previsão exata para chegar, as batalhas PvP terão funcionamento direto. Será possível convidar amigos a partir da sua lista de amigos ou por meio de um código QR.

Você poderá batalhar quantas vezes quiser, ao dia, mas só receberá recompensas em itens, caso vença, três vezes ao dia – e uma destas recompensas é a Pedra de Sinnoh, que serve para evoluir alguns Pokémon. Além disso, batalhas são liberadas contra jogadores próximos, mas também será possível encarar participantes que estejam longe, desde que seus personagens tenham níveis de Ultra Amizade ou Amizade Sem Igual.

Participar de Batalhas de Treinador não custa nada e também será possível lutar contra os líderes de equipe: Instintic, Valor e Mystic, como uma espécie de treino – para testar seus Pokémon e ataques, por exemplo. Batalhas contra os líderes renderão apenas uma recompensa por dia, mas também não terão qualquer outro limite.

É permitido utilizar praticamente qualquer Pokémon dentro das batalhas, com apenas duas exceções, por enquanto: Ditto e Shedinja. Porém, a Niantic deu a entender que, após o lançamento, uma atualização será feita, para que eles também possam participar.

Mas, de fato, como funcionará o sistema da batalha em si?

As batalhas serão em tempo real, de maneira similar ao que ocorre nos ginásios. Será preciso tocar na tela repetidas vezes para atacar, enquanto golpes mais fortes são carregados com o tempo, nos cantos da tela. Quando um dos golpes tem a barra cheia, é possível ativá-los.

É neste momento que o oponente tem a oportunidade de ativar um escudo, de uso limitado em três vezes, que poderá te proteger um pouco mais destes ataques carregados. É claro que as vantagens e desvantagens continuam valendo para todos os Pokémon – como água ter vantagem sobre fogo, por exemplo – mas o escudo vem para adicionar uma tática adicional aos combates, já que aqui não há esquiva, com o nos ginásios.

Novo Ataque Carregado

Os Pokémon também terão um terceiro ataque, segundo carregado, em adição aos dois atuais, que será obtido usando Doces e Poeira Estelar. Este ataque poderá ser usado nas batalhas contra jogadores e ginásios.

Como já explicado, o sistema de batalhas não tem data para chegar, mas será lançado ainda em dezembro, para todos os jogadores, de maneira gradativa.

Leandro e Leonardo são presos por assalto!?


?Suspeitos de assaltarem um garoto de 14 anos no início desse mês, Leandro Gerônimo Lopes e Leonardo Willian Muniz, 19 e 20 anos, respectivamente, foram presos no bairro Cajuru em diferentes dias.

O caso foi elucidado graças ao trabalho da equipe de investigação da Delegacia de Furtos e Roubos (DFR). Eles foram identificados através de imagens de uma câmera de segurança de uma residência, onde era possível ver os dois efetuando o roubo, segundo o delegado Emmanoel David.

Ambos têm passagem pela polícia e devem permanecer à disposição da Justiça.

“Os dois possuem uma extensa ficha criminal e possuem antecedentes de crimes patrimoniais também. Rapidamente eles foram localizados e identificados pela vítima. A prisão preventiva foi decretada e eles estão à disposição”, disse o delegado.

Samsung revela novo e revolucionário sistema de lavanderia quatro em um na CES 2017

A Samsung Electronics apresenta seu revolucionário sistema de lavanderia FlexWash™ + FlexDry™, revelado ao público na CES 2017, em Las Vegas. Eles foram desenvolvidos para oferecer duas lavadoras e secadoras em um só sistema, dando aos consumidores mais opções para lavar roupas da maneira que quiserem, em várias situações. Incorporando as principais tecnologias de lavanderia da Samsung, o sistema FlexWash ™ + FlexDry ™ fornece a mais avançada e flexível solução para atender às necessidades de famílias modernas e ocupadas.

Nas duas máquinas, cada compartimento de lavagem conta com características únicas para as necessidades do dia a dia. O compartimento frontal da FlexWash™ tem aproximadamente 140 litros de capacidade – o maior em sua  categoria¹ — para trabalhar com volumes normais ou elevados. Já o compartimento superior da lavadora conta com mais 28 litros de capacidade e foi desenvolvido para lavar volumes menores em separado. Quem tiver grandes volumes de roupa, pode operar as duas lavadoras ao mesmo tempo com configurações diferentes.

Na secagem das roupas, a FlexDry™ tem capacidade para grandes volumes e a flexibilidade adicional de secar alguns itens delicados ao mesmo tempo. O usuário pode colocar roupas na horizontal no exclusivo compartimento Delicate Rack, na parte superior da secadora, e secar suavemente os tecidos delicados com um fluxo de ar controlado e aquecido. O compartimento especial ajusta automaticamente o calor entre a temperatura ambiente e 35ºC, dependendo do tipo de tecido a ser secado. Já o compartimento de secagem principal também usa a tecnologia MultiSteam da Samsung para refrescar e desinfetar roupas, reduzindo odores e rugas.

“Todo mundo tem roupas diferentes e maneiras distintas de cuidar delas”, diz Seo Byung-Sam, presidente da divisão de Eletrodomésticos da Samsung Electronics. “O FlexWash™ + FlexDry™ é um sistema de lavanderia que atende as mais diversas necessidades, de uma só vez. Estamos nos esforçando para dar aos consumidores a liberdade e a flexibilidade de ajustar o processo de lavagem ao seu modo de vida, e não o contrário.”

De acordo com uma pesquisa da Samsung sobre hábitos de lavanderia dos consumidores dos EUA, 87% dos americanos separam as roupas em claras e escuras, diferentes tipos de tecido e graus de sujeira, e 70% dos entrevistados realizam duas ou mais lavagens consecutivas. O novo sistema de lavanderia FlexWash ™ + FlexDry ™ foi desenvolvido para transformar o mercado, pois os consumidores descobrirão uma maneira eficaz de rapidamente separar e lavar suas roupas. A capacidade de operar os quatro compartimentos simultaneamente e em separado atende a uma forte demanda do consumidor, de lavar roupas mais rápidamente, mantendo a separação das peças.

A nova lavadora FlexWash™ utiliza três principais tecnologias de lavanderia da Samsung: SuperSpeed™, PowerFoam™, e a Tecnologia de Redução da Vibração (Vibration Reduction Technology, ou VRT). A tecnologia SuperSpeed™ reduz o ciclo de lavagem habitual de uma lavadora Samsung convencional de 60 minutos para 30 minutos. Já a tecnologia PowerFoam™ utiliza a mistura prévia de água, ar e sabão para limpar profundamente os itens mais volumosos com o poder da espuma. Já a VRT foi desenvolvida para minimizar a vibração e o nível de ruído.

Para facilitar o uso, a lavadora FlexWash™ utiliza apenas uma entrada de água, eliminando a necessidade de contratar um profissional na hora da instalação. Além disso, os compartimentos superiores de cada unidade de lavadora e secadora são de fácil acesso e permitem aos consumidores colocar e retirar a roupa com mais comodidade, e seu vidro transparente torna simples verificar visualmente os ciclos de lavagem.

Por fim, a FlexWash™ e a FlexDry™ são compatíveis com a Internet das Coisas (IoT) e contam com recursos inteligentes que permitirão aos usuários controlá-las através de seus smartphone², utilizando o aplicativo Samsung Smart Home. Com isso será possível iniciar, interromper e monitorar cada ciclo de ambas as máquinas.

A FlexWash™ e a FlexDry™ receberam o Prêmio Inovação da CES 2017, dando continuidade a uma série de vitórias por inovações, que incluem a Activewash™ em 2015 e a AddWash™ em 2016. Por enquanto, os produtos ainda não têm previsão de chegada no Brasil.

1Com base nas dimensões do produto.

2O aplicativo Samsung Smart Home é compatível com o Android OS 4.0 (ICS) ou superior otimizado para smartphones Samsung (séries Galaxy S e Galaxy Note). Esse aplicativo também é compatível com iOS 7 ou superior para modelos de iPhone. O aplicativo Smart Home está disponível na App Store e na Play Store.

Sabe quais foram os nomes mais registrados no Paraná? e em Curitiba?

Nada de referências a artistas estrangeiros ou nomes da moda nas novelas. Os nomes mais registrados nos cartórios do Paraná em 2016, foram João e Maria. A informação é da Associação dos Notários e Registradores do Estado do Paraná (Anoreg-PR) que revela que no ano passado, o estado ganhou 7.853 Marias e 5.109 Joões.

O terceiro lugar fica para Davi, que é foi o mais adotado em Curitiba. Nomes mais simples e “antigos”, como Pedro, Ana e Gabriel também aparece na lista. Veja os nomes que lideram a lista no Paraná e em Curitiba, de acordo com a Anoreg-PR.

10 nomes mais registrados no Paraná

  1. Maria – 7.853
  2. João – 5.109
  3. Davi – 4.459
  4. Ana – 4.304
  5. Arthur – 4.075
  6. Miguel – 3.673
  7. Pedro – 3.013
  8. Alice – 2.507
  9. Laura – 2.377
  10. Enzo – 2.363

Nomes mais registrados em Curitiba

  1. Maria – 1231
  2. Davi – 807
  3. Arthur – 797
  4. Miguel – 743
  5. João – 687
  6. Alice – 645
  7. Ana – 587
  8. Pedro– 587
  9. Laura – 550
  10. Enzo – 463
  11. Sophia – 439
  12. Julia – 400
  13. Gabriel – 400
  14. Bernardo – 392
  15. Helena – 355
  16. Lucas – 349
  17. Valentina – 345
  18. Matheus – 275
  19. Gustavo – 275
  20. Lívia – 267

E você? Ajudou na estatística?

Big Mac no Brasil continua entre os mais caros do mundo

O Brasil continua com um dos sanduíches Big Mac mais caros do mundo, apesar da desvalorização do real no ano passado. Segundo o Índice Big Mac, divulgado pela revista britânica The Economist, o país está em quinto lugar na lista de preços mais caros do sanduíche do Mc Donald’s. O preço médio por aqui é US$ 5,12, ou R$ 16,50.

O Brasil caiu uma colocação em relação ao mês de janeiro de 2016, quando o país ficou no quarto lugar na pesquisa. Neste ano, Suíça, Noruega, Suécia e Venezuela ficaram na nossa frente, pois seus moradores precisam pagar mais de US$ 5,12 para comer um Big Mac. Na Suíça, o preço chega a US$ 6,35, enquanto na vizinha Venezuela o preço é de US$ 5,25.

Mas, a apesar de o Brasil ter caído uma posição, o preço subiu, se levarmos em consideração o real como moeda. Em janeiro de 2016, o Big Mac custava cerca de R$ 13,50. Já no início deste ano, o brasileiro desembolsa R$ 16,50 para comprar o sanduíche.

O preço no Brasil é praticamente o mesmo cobrado nos Estados Unidos. Um americano paga US$ 5,06 para consumir o Big Mac. O valor coloca o país na sexta colocação, logo atrás do Brasil. Já o lugar mais barato para comprar o lanche do Mc Donald’s é o Egito. No país do oriente médio, o sanduíche sai por US$ 1,46.

O Índice Big Mac é realizado semestralmente pela revista britânica The Economist desde 1986. Ele serve para mostrar o poder de compra dos países e tem como referência o preço médio do lanche do Mc Donald’s pelo fato de a rede de fast-food ter uma presença global.

Curitibana de 11 anos é selecionada no “Voice Kids”

No segundo dia de audições às cegas, a curitibana Mariana de Medeiros, de 11 anos, subiu ao palco e cantou “Eu Só Queria Te Amar” no programa “The Voice Kids”, da TV Globo. A menina empolgou a plateia com a energia e a presença de palco. Com isso, ela se junta a outros três cantores miris paranaenses selecionados no primeiro episódio desta temporada, no domingo passado.

A dupla Victor & Leo viraram a cadeira. “O que fez a gente virar foi a energia que você trouxe”, disse Leo. Victor destacou a fofurice de Mariana: “Que menina mais doce”, destacou Victor.

É o Rieu, aquele do violino?