Motivo das demissões na Vostu não é a Zynga e sim o Orkut

Um dia depois do rumor surgiu pela primeira vez, a empresa de social gaming Vostu confirmou em um comunicado de imprensa que as demissões estão nos planos.

Enquanto a startup não anuncia quantos trabalhadores irá demitir, fontes brasileiras suspeitam que o número poderia ser de até 200 – principalmente na Argentina, onde está a maioria do pessoal da Vostu, mas também no Brasil, onde sua equipe já é pequena.

No entanto, a empresa negou que estaria fechando suas operações no Brasil, indicando que o país continua a ser seu foco principal.

No entanto, a reestruturação profunda está sendo discutida em seu escritório local. Já em 2010, a Vostu estava planejando dobrar sua equipe no Brasil para contratar desenvolvedores. Mas ao contrário, o anúncio de hoje indica que a stratup ira concentrar ainda mais as suas atividades de desenvolvimento na Argentina, e também não houve nenhuma menção de seus escritórios em Nova York.

Uma coisa é certa, a notícia de hoje veio como uma surpresa para a maioria dos observadores do mercado. Como explicar demissões em uma startup de jogos casuais supostamente bem sucedida que opera em um mercado em crescimento como a América Latina, dias após o IPO histórico do Facebook?

A atenção virou-se rapidamente para a Zynga, que havia processado a Vostu por problemas com direitos autorais. Como visto em dezembro, este processo levou a Vostu a aceitar pagar uma quantia não revelada para resolver o caso.

Como resultado, alguns observadores foram rápidos em associar o pagamento com as demissões. No entanto, uma fonte próxima ao assunto informa que os tópicos não devem estar relacionados.

Em vez disso, parece muito mais provável que a empresa está certificando-se que permanece em sintonia com a situação diária de seu mercado-alvo. Afinal, crescimento prematuro é uma das principais razões para startups falharem. Com centenas de funcionários e nada do IPO em vista, parece lógico para a gestão da Vostu e para os investidores manterem a sua rentabilidade.

Mais precisamente, parece que a empresa tem de se adaptar a uma nova realidade. Embora continue a ser um líder incontestável no Orkut, a rede social do Google em si está perdendo terreno no Brasil. Como já relatado, foi finalmente ultrapassado pelo Facebook no mês passado.

Para Vostu, isso tem um impacto muito tangível. Enquanto seu jogo principal, a Mini Fazenda, atraiu cerca de 5 milhões de jogadores do Orkut por semana em agosto passado, ele só teve 2.3m de usuários esta semana.

Em outras palavras, apesar da Vostu ainda dominar o Orkut, a rede cai de popularidade, o que significa que tem menos usuários. Claro, a Vostu também está presente no Facebook, onde ela está ganhando terreno, mas ele não chegar perto da quota de mercado e base de usuários que podia se gabar no Orkut, onde a concorrência é menos intensa.

De uma perspectiva financeira, não é necessário um MBA para entender o impacto que esta situação terá na companhia. São grandes as chances desta ser a melhor explicação para a decisão Vostu de reestruturar o seu negócio global. Enquanto trabalha em recursos adicionais para os jogos existentes e sugerindo futuros lançamentos, parece que a empresa quer manter a sua receita e sua atratividade para os potenciais compradores.

 

Com informações do TNW

Comente aqui:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.