Motorola provoca para o evento do próximo 09 de junho, invocando memórias do RAZR

Era 2006, você estava na escola, e todo mundo tinha um Motorola RAZR. Pelo menos, é assim que a Motorola quer que você se lembre da sua vida há dez anos, em seu mais recente teaser para o próximo anúncio do Moto X (ou Moto Z).

Claro que, um ano depois o iPhone foi lançado e toda a indústria móvel foi transformada em sua cabeça. Mas, por um breve período, o RAZR foi sem dúvida o telefone mais popular ao redor, e ele mudou os rumos.

A Lenovo já anunciou que irá apresentar novos smartphones Moto em seu evento Tech World em 9 de junho. E graças a um punhado de vazamentos, temos uma idéia relativamente boa do que esperar.

Recentemente, foi revelado por Venture Bata que a Lenovo planeja renomear toda a linha Moto X. Em vez disso, usará ‘Moto Z‘ e irá incluir os identificadores de origem Style e Play usados em 2015 na família Moto X.

Além do mais, os modelos exclusivos da Verizon não devem manter seus nomes de marca, Droid Turbo ou Droid Maxx. É esperado que a Lenovo opte por trocar esses nomes para simplesmente Moto Z Style ‘Droid Edition‘ ou Moto Z Play ‘Droid Edition.

Quanto aos recursos, o mais interessante que li sobre até agora é o design modular incomum. Ao contrário do G5 da LG, que tem uma borda inferior destacável, na linha Moto Z existem rumores de serem equipados com placas traseiras substituíveis. Estas placas traseiras irão supostamente encaixar via ímãs e usar pinos de conexão na parte traseira do dispositivo para se comunicar com e / ou carregar o telefone.

Estes placas modulares, ou “Amps“, supostamente incluem uma placa traseira simples colorida, uma bateria, câmera com zoom óptico e flash, tampa resistente com lente grande angular, alto-falantes estéreo e um projetor pico.

No lado das especificações, ambas as versões do Moto Z devem ter uma tela de 5,5 polegadas, assim como a nova linha Moto G, exceto que um terá um painel de 1080p e o outro um display de alta resolução QHD. O dispositivo mais high-end, codinome Vector Thin, provavelmente terá uma câmera de 16MP assistida por laser e detecção de fase autofoco e vai medir apenas 5,2 milímetros de espessura. Ambos devem ter um sensor de impressão digital montado na frente.

Você pode “se inscrever para o que vem pela frente” na página de registro da Motorola, e estar entre os primeiros a saber quais serão os próximos telefones da marca, agora de propriedade da Lenovo.

Comente aqui:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.